Ar Livre • Arte e esportes • Parque Urbano Cândido Portinari

O Parque Urbano Cândido Portinari fica na Zona Oeste de São Paulo, do lado do famoso Parque Villa Lobos e foi inaugurado em 2013. O parque conta com uma área de cerca de 121 mil metros quadrados baseada em vários conceitos de sustentabilidade, disponibilizando aos frequentadores do parque uma ciclovia de 1.300 metros, integrada à via exclusiva para bicicletas do Villa Lobos, pista de caminhada e um espaço para as pessoas andarem de skate, com 1.600 metros quadrados (especial para praticantes de Dowhill). Possui quatro quadras poliesportivas, duas quadras de vôlei de areia, um minicampo de futebol de areia, espaço de convivência para cães e duas áreas para prática de atividades físicas ao ar livre. Também há um playground educativo para os pequenos, além de zonas para piquenique.

Parque Urbano Cândido Portinari 1 Parque Urbano Cândido Portinari 2 Parque Urbano Cândido Portinari 3 Parque Urbano Cândido Portinari 5 Parque Urbano Cândido Portinari 6 Parque Urbano Cândido Portinari 7 Parque Urbano Cândido Portinari 8 Parque Urbano Cândido Portinari 9 Parque Urbano Cândido Portinari 10 Parque Urbano Cândido Portinari4

Arte ao ar livre – exposiçãoO mundo de Candinho”

Desde sexta-feira, 12 de junho, os frequentadores do Parque Urbano Cândido Portinari poderão ver espalhadas pela área verde, reproduções de obras de Portinari. O objetivo das instalações dos painéis é associar as obras do artista com o espaço que homenageia o pintor. O Projeto tem parceria do governo do estado de São Paulo com a Comgás, apoio do Projeto Portinari, e da ViaRosa que desenvolveu os painéis no porcelanato.                                                                     

A curadoria, do Projeto Portinari, selecionou as obras Papa-Vento (1956), Menino Soltando Pipas (1938), Denise com Gato (1960), Denise a Cavalo (1960), Palhacinhos na Gangorra (1957), Meninos com Careiro (1955), Meninos Brincando (1955), Meninos Brincando (1958), Meninos com Carneiro (1954), Meninos Soltando Pipas (1959), Dança de Rodas (1955) e Meninos no Balanço (1955). 

Segundo o professor João Cândido Portinari, único filho do pintor e responsável pelo espólio de seu pai. “Escolher as obras que estarão no parque não foi tarefa fácil, pois o artista criou, em mais de 5 mil obras, de pequenos desenhos a grandes murais, fixado para sempre a fisionomia da sua terra e do seu povo. Então, pensando no grande amor que Portinari dedicava às crianças, elegemos o tema da infância para decorar este espaço que, naturalmente, será frequentado por meninos e meninas que se verão retratados pelo artista. O mundo de Candinho é um convite para um passeio lúdico à cultura brasileira, passando pelo universo infantil de menino do interior: as delícias de cavalgar entre os pés de café das fazendas de Brodowski, sua cidade natal; de brincar de gude, pião, ioiô, de amarelinha, de pique e de pular carniça, entre tantos folguedos próprios daquela época. Este mundo repleto de simplicidade, mas rico em valores humanos, poderá ser apreciado no parque que tem o nome de Portinari e assim levar a cada um dos frequentadores desse espaço a mensagem do artista de amor e paz”, conclui o professor.

Das doze obras de Cândido Portinari reproduzidas, seis impressões em painéis de porcelanato foram doadas pela ViaRosa, indústria de porcelanatos brasileira. As reproduções foram impressas com as mesmas dimensões das obras originais e acompanham placa de identificação.

Aqui as imagens de “Menino soltando Pipas” e “Meninos no Balanço”:

portinari reproducoes no parque urbano candico portinari

Parque Urbano Cândido Portinari
Avenida Queirós Filho, 1.365, ao lado do Parque Villa-Lobos
Horário de funcionamento: das 5h30às 20h (horário de verão) e das 5h30 às 19h (fora do horário de verão)

Fotos parque: www.areasverdesdascidades.com.br
Imagens Portinari: www.portinari.org.br