Dicas para manter a dieta sem radicalismo

Nós sempre falamos por aqui sobre as promessas de ano novo, as novas modalidades que entram na nossa rotina, e é claro, sobre as dietas de ano novo. Quase todo mundo conhece alguém que começa o ano super regrado, mas com o passar dos meses vai relaxando no equilíbrio da alimentação. Fazer uma dieta, comer melhor, seja lá o nome que você der, funciona quando você acredita na proposta e quer ser mais saudável e não apenas perder peso. Muitas vezes, é melhor ser mais aberto, menos radical, para um resultado a longo prazo e uma readaptação do paladar e do organismo. O hellofood, empresa de pedidos via internet, fez uma lista com algumas dicas nada radicais, com ideias para para não ser drástico no cardápio e continuar com a promessa de melhorar a alimentação neste ano!

1. Nem sempre é o que parece • Os restaurantes e suas refeições muitas vezes podem enganar quem está em uma dieta: às vezes, um hambúrguer pode conter menos calorias do que uma salada, por isso, sempre verifique a quantidade calórica.

2. Vá devagar no queijo • Na hora de pedir a pizza, peça menos queijo: diminuir o ingrediente não vai fazer tanta diferença no sabor, principalmente se você adicionar vegetais na cobertura.

3. Use mostarda em vez de ketchup ou maionese • Cientistas da Universidade Politécnica de Oxford, na Inglaterra, descobriram que uma colher de sopa de mostarda pode acelerar o metabolismo em até 25% por várias horas após as refeições.

4. Escolha iogurte grego em vez de “sour cream” • Ambas as opções são semelhantes no gosto e na textura e, por isso, você não tem desculpas: escolha o iogurte grego e economize cerca de 50 calorias e 7 gramas de gordura por dose.

5. Aposte na guacamole para recheios e coberturas • O abacate traz uma combinação de ácidos graxos, gorduras monoinsaturadas e antioxidantes, que ajudam a acelerar seu metabolismo, afastar a fome e manter a pessoa satisfeita.

6. Ter algumas pimentas para ‘queimar’ • A queimadura da pimenta não fica apenas na sua boca: elas são capazes de impulsionar o corpo a queimar um extra de 50 a 100 calorias após uma refeição picante.

7. Investindo em novos sabores • Alguns temperos não tão comuns também podem ajudar na queima de gordura. Pimentas vermelha ou preta, além da pimenta caiena são as mais efetivas.

8. Salmão e o ômega 3 • Faça uma mudança e introduza em seu cardápio o hambúrguer de salmão: ele tem componentes extremamente saudáveis e fica muito bom com acompanhamentos verdes, como abacate.

9. Brinde com vinho tinto • Sim, o vinho tinto é realmente benéfico – se consumido moderadamente, claro. Substitua o refrigerante por um copo de vinho. Você terá uma refeição mais saudável e, com certeza, mais divertida.

10. Faça digestão com chocolate amargo • Mesmo que o chocolate tenha muitas calorias, o amargo contém antioxidantes e ingredientes que promovem a perda de peso. Por isso, não há necessidade de cortar a sobremesa, aposte no chocolate amargo.

foto Monika Clarke

Info: Divulgação hellofood
Foto: Flickr - Monika Clarke