Pensando em mudar de carreira?

Por SBCoaching

Qual profissional nunca pensou em mudar radicalmente de área? Quem nunca sonhou com um emprego que o afaste dos problemas atuais? Ou mesmo quem não acalenta planos para fazer algo diferente quando se aposentar?

Geralmente, os profissionais começam a se questionar sobre mudar ou continuar no caminho profissional quando atingem um patamar de estabilidade financeira e de realização. Ainda que tenham alcançado alguns objetivos profissionais, se encontram desmotivados e insatisfeitos. “Neste momento, começam a se perguntar por que, mesmo tendo várias conquistas, ainda não possuem o nível de felicidade que sonharam”, explica a coach Mariana Cottini, licenciada da SBCoaching.

As preocupações diárias, os compromissos financeiros, a chegada de um filho são alguns aspectos que adiam ou impedem que um sonho de mudar de carreira realmente se concretize. Para não ficar somente sonhando, estabelecer um plano de ações é fundamental. A coach reuniu dicas úteis para ajudar nesta decisão:

• Comece se perguntando qual é o real motivo de mudar de carreira. “Essa pergunta ajuda a identificar as possibilidades reais para um novo emprego”, explica a especialista da SBCoaching. Tenha clareza sobre as motivações em relação a profissão a ser escolhida, questione-se por que é importante fazer a mudança e qual o real propósito desse novo objetivo;

• Compartilhe suas dúvidas com profissionais mais experientes ou coaches, que podem ajudar a aumentar a percepção da realidade e do indivíduo em relação ao problema que está motivando a mudança. “Ouvir outras opiniões ajudam a encontrar algum ponto cego e se teria uma outra maneira de resolver o que está gerando o incômodo, sem precisar pedir demissão”, avalia a coach;

• Avalie porque a mudança de emprego é importante pra você. Os nossos valores governam nossas decisões. Importante entender quais os valores que a pessoa está buscando satisfazer com a mudança de emprego;

• Para evitar arrependimentos, questione o que você ganha se mudar de emprego e o que você perde se não mudar. “Colocar no papel quais são os ganhos e as perdas estimula a racionalizar, sair da emoção e ir pra razão”, diz Mariana Cottini;

• Estabeleça um plano de 1 ano, 5 anos e 10 anos. Pensar no futuro e se projetar no tempo, ajuda a chegar ao objetivo final de uma forma planejada e consciente;

• Avalie são suas principais habilidades, forças e talentos naturais para identificar as oportunidades no mercado que estejam alinhadas com o seu perfil profissional;

• Tenha clareza dos recursos necessários para que a mudança ocorra. Avalie tempo, dinheiro, conhecimento e pessoas necessárias. “Um coach especialista em carreiras irá ajudar o cliente a avaliar a viabilidade da mudança, qual o impacto financeiro na vida dele e dos familiares, quais os eventuais riscos e como construir um plano B”, esclarece Mariana Cottini;

•    Considere como parte do planejamento de carreira todo o investimento em novos treinamentos, cursos ou especializações.  “O processo de coaching trabalha para otimizar os recursos já existente no indivíduo e se realmente são necessários novos investimentos. O trabalho busca potencializar as forças e talentos do profissional. Se forem identificados gaps ou pontos fracos, técnicas de coaching são aplicadas.

carreira coaching dicas

Mais informações:
www.sbcoaching.com.br

Foto: Flickr -Flazingo Photos